O que faz uma empresa querer listar em uma Bolsa de Valores? Por que eles decidiram isso? Vamos simplificar abaixo, muitas pessoas têm dúvidas sobre isso.

Nesse caso, você pode não saber que abrir capital é o mesmo que permitir que outra pessoa do Mercado Financeiro seja sócia da sua empresa.

Ao tornar sua empresa pública, outros podem comprar uma certa porcentagem das ações. E assim, eles se tornaram investidores.

Mas para isso, sua empresa precisa estar registrada como empresa. Além de ter que fazer como cominado, que é o requisito para poder se registrar como companhia aberta na CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

Para negociar ações na Bolsa de valores, você precisa se cadastrar diretamente na B3.

Mas, neste caso, qual o principal motivo para a empresa abrir o capital? Abaixo listaremos alguns motivos.

Investimentos

Capital da Bolsa de Valores

Acesso de capital às bolsas de valores

Para iniciar seu projeto e expandir as operações de sua empresa, você precisa ter acesso a diversos recursos. Mas todos sabem que a forma utilizada tradicional é sempre está buscando mais empréstimos em instituições financeiras online. Mas nem sempre é a melhor opção. Os juros podem ser muito altos em grandes quantidades de curto prazo. Então, neste caso, abrir o capital torna-se uma opção muito interessante.

Após os procedimentos acima, a sociedade poderá emitir novas ações para aumentar o seu capital social. Portanto, eles são vendidos no Mercado financeiro. O dinheiro tomado será capaz de executar o plano. Essa é uma vantagem da empresa, diferentemente de um empréstimo, as ações terão um prazo de vencimento ou resgate. Portanto, você deve saber que nao deverá se possibilidade de “devolver” os fundos aos investidores. Será sempre pago em dividendos (não juros). O custo monetário também é superior ao do negócio de Crédito.

Liquidez patrimonial

No entanto, as novas ações emitidas por empresas nem sempre se tornam públicas. Na maioria dos casos, os papéis vendidos no mercado pertencem a Empresários e outros parceiros. Portanto, ir ao mercado de Ações pode ser uma boa maneira de fazer com que os acionistas convertam suas ações da Empresa em Dinheiro.

Para algumas empresas que recebem investimento de fundos privados ou de capital de risco, o financiamento estará sempre aberto, muitas vezes uma alternativa que foi pensada no início do investimento. Por isso, esses investidores sempre ajudam empresas que tem um grande potencial para crescimento e desenvolvimento. em troca de uma parte do capital.

visibilidade

Até lá, devido às várias quantidades de informação que precisam de disponibilizar no mercado. Existem várias empresas dispostas a se beneficiar de previsões e reconhecimento público. Porque eles sempre precisam ser monitorados regularmente pela comunidade financeira. Para colher esse benefício, as empresas geralmente podem negociar a melhor oferta em todos os momentos e receber alto reconhecimento pelo envolvimento dos funcionários.

Formulário de Transação da Bolsa de Valores

Entre os diferentes tipos de bolsas de valores, a bolsa de valores financeira possui várias especificações. Às vezes, sempre há discordância. Mas eles são sempre muito sutis. Em outros aspectos, são marcantes e sempre firmes. Um pouco de compreensão da terminologia usada a este respeito:

Mercados primários e secundários

Sempre que uma ação é negociada no Mercado primário, significa que está sendo vendida aos investidores pela primeira vez. É como se o documento “saisse” da empresa e chegasse ao investidor que toma as providências. Antes mesmo de passar pela Bolsa de Valores.

Em outras palavras, o mercado primário sempre contém ofertas públicas. E compare este caso com um IPO ou oferta pública inicial.

Nesse caso, um IPO seria a marca da estreia da empresa no mercado financeiro de ações. Outros tipos de ofertas públicas conhecidas nos mercados financeiros como “follow-up”. Neste caso, representa a emissão de novas ações por uma companhia aberta.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.